Na entrada do terceiro milênio, alguns acreditam que somente o estabelecimento de uma concepção de mundo integradora e holística será capaz de frear o esgotamento de recursos naturais e, por conseqüência , dar seguimento à VIDA DO PLANETA.

Neste sentido, acreditamos que ações integradas de recuperação e educação ambiental possam gerar maior questionamento e mudança de atitude da sociedade, no que se refere a seu comportamento perante a destruição dos recursos naturais.

Torna-se essencial a Mobilização Social neste processo  com ações informativas sobre o empreendimento, capacitação profissional, educação ambiental, mobilização e organização comunitária, através da educação, conscientização e participação da população, essenciais no processo de transformação de valores e práticas sociais, consolidando espaços nos quais circulem informações e conhecimentos integrados.

A partir desse olhar e através de atividades de gestão e educação ambiental, que o IAT está desenvolvendo o Projeto Socioambiental “Piracicabano Sustentável” no Colégio  Piracicabano – Piracicaba/ SP.

Objetivando contribuir para a adoção de boas práticas socioambientais com ênfase na sustentabilidade e criando uma agenda de compromissos buscando a melhoria da qualidade ambiental, pedagógica e social, o Projeto pretende:  – Multiplicar as práticas socioambientais baseadas no fortalecimento do direito ao acesso à informação e à educação ambiental em uma perspectiva integradora;

– Estimular e ampliar atividades e práticas coletivas de organização social, visando assegurar a curto e médio prazo, atividades de co-responsabilidade, solidariedade e convivência social;

– Proporcionar à comunidade do colégio Piracicabano e local, o crescimento da consciência ambiental, expandindo a possibilidade de maior participação em processos decisórios proporcionando uma melhor qualidade de vida;

– Desenvolver valores e comportamentos: de confiança, respeito mútuo, responsabilidade e compromisso nas relações com o meio ambiente;

– Monitorar as atividades a serem realizadas, a fim de aprimorar a intervenção socioambiental;

– Levantar e sistematizar as ações propostas aos participantes e executadas pelo coletivo.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *